terça-feira, dezembro 05, 2017

Angola, LFP «Altair» - P 377


Os Oficiais da Reserva Naval na LFP "Altair" - P 377

(Post reformulado a partir de outro já publicado em 30 de Outubro de 2010)




A LFP «Altair» atracada em Santo António do Zaire


Construída nos estaleiros alemães Bayerische Shiffbaugesellschaft mbH, em Erlenbach/Main foi aumentada ao efectivo dos navios da Armada no dia 13 de Janeiro de 1962, depois de ter seguido para Angola a bordo do NM »Alcobaça».

Foi depois atribuída ao Comando da Defesa Marítima de S. Tomé e Princípe. Nas águas daquele arquipélago interveio regularmente em acções de patrulha e fiscalização, tomando parte activa nas campanhas hidrográficas conduzidas pelo NH «Carvalho Araújo», nos anos de 1963 e 1964.

Em finais de 1965 foi decidido reforçar o dispositivo naval no rio Zaire, pelo que foi integrada na Esquadrilha de Lanchas do Zaire. A partir de então, as suas principais missões consistiram na fiscalização do troço fronteiriço do rio Zaire e o apoio aos postos guarnecidos por fuzileiros, nomeadamente a Quissanga, Pedra do Feitiço, Puelo, Makala, Tridente e Noqui e, por vezes, acções de patrulha costeira.

Ao logo de cerca de 14 anos permaneceu em S.Tomé e Princípe e Angola, ora baseada em Santo António do Zaire ora em Luanda.

Durante todo o período em que esteve operacional foram comandantes da LFP «Altair» os seguintes oficiais:

Quadros Permanentes:

2TEN António Cipião Bessa da Cruz, 20Fev62/02Ago63;
2TEN Nelson dos Santos Ventura Trindade, 02Ago63/26Set65;
2TEN João Pedro Rodrigues da Conceição, 26Set65/29SET67
CTEN Mário Augusto Faria de Carvalho, 10Mai69/16Mai69 (a)

Reserva Naval:

2TEN RN Pedro Augusto Lynce de Faria, 9.º CFORN, 29Set67/03Ago68;
2TEN RN José Manuel de Magalhães Vieira de Sá, 11.º CFORN, 03Ago68/05Ago68;
2TEN RN José Manuel Rodrigues Caliço(a), 9.º CFORN, 05Ago68/05Set68;
2TEN RN Pedro Augusto Lynce de Faria, 9.º CFORN, 05Set68/20Mar69
2TEN RN João Maria Lacerda de Lemos Mexia, 12.º CFORN – 20MAR69/10MAI69
(a) ......
2TEN RN João Maria Lacerda de Lemos Mexia, 12.º CFORN, 16Mai69/29Out70;
2TEN RN Emílio Infante Pedroso, 16.º CFORN, 29Out70/25Out72;
2TEN RN Vitor António Morgado Ferreira Mota, 19.º CFORN, 25Out72/12Mai73;
2TEN RN Jorge Manuel de Moura Vieira Teles, 20.º CFORN, 12Mai73/25Out74;
2TEN RN António Borges Santos Silva, 23.º CFORN, 25Out74/30Set75;

(a) Em acumulação com o cargo de Comandante da Comandante da Esquadrilha de Lanchas, no impedimento por doença do comandante da LFP «Altair»;




A LFP «Altair» a navegar, toda a força a vante e atracada em Luanda;

Pertenceu à classe «Bellatrix» com características, máquinas propulsoras, equipamentos, armamento e lotação idênticas, não tendo contudo o lançador de foguetes de 37 mm.

Em 30 de Setembro de 1975 foi abatida ao efectivo dos navios da Armada e cedida ao Governo da República Popular de Angola. Segundo edições do Jane's Fighting Ships posteriores a 1976 ainda terá navegado com a bandeira da República Popular de Angola durante alguns anos.


Fontes:
"Dicionário de Navios", Adelino Rodrigues da Costa, Edições Culturais da Marinha – 2006; Setenta e Cinco Anos no Mar, Lanchas de Fiscalização Pequenas (LFP), 16º VOL, 2005; "Anuário da Reserva Naval 1958-1975", Adelino Rodrigues da Costa e Manuel Pinto Machado, Lisboa, 1992; Texto e fotos de arquivo do autor do blogue In Revista da Armada n.º 263, Fevereiro 94;


mls

1 comentário:

mls disse...

Com toda a pertinência, aqui se deixa uma rectificação de um elemento da guarnição da LFP "Altair":

"Talvez por algum desconhecimento ou lapso, esta foto foi tirada na Pedra-do-Feitiço (Rio Zaire) e não como consta no Blogue. Fazia parte da guarnição da lancha nessa ocasião. Foto tirada por mim. José Dionisio, Mar. Art.9483"